Avó e neto são atropelados e sobrevivem sem ferimentos graves: “A mão de Deus nos salvou”; Assista


Vilma e Joao - Vitimas do atropelamento

Vilma e Joao – Vitimas do atropelamento

Um acidente de trânsito em Anápolis (GO) que poderia ter resultado numa tragédia terminou como um testemunho de livramento. “A mão de Deus nos pegou e salvou”, afirmou a vítima. Tudo foi filmado pelas câmeras de segurança de um estabelecimento próximo.

Vilma Theodoro do Nascimento, 56 anos, andava com o neto João Pedro Nascimento, 5 anos, quando um veículo desgovernado entrou na rua onde estavam e colidiu com um segundo veículo, que estava estacionado. A força do impacto foi tão grande que empurrou o carro que estava parado na direção dos dois.

Sem tempo de reação, Vilma e o neto foram atingidos pelo carro, que passou por cima de ambos. Como não estava tracionando, o atropelamento não teve grandes consequências.

“Vi que o carro passou por cima dele, que levantou e veio na minha direção. Mas quando percebi que saía sangue pela boca, orelha e nariz, achei que o crânio dele tinha sido esmagado. Só fiquei tranquila depois que os exames disseram que foi tudo superficial”, disse Vilma, em entrevista à TV Anhanguera.

Para a avó, o fato de ela e o neto estarem vivos se deve à intervenção divina: “Foi um milagre. Tenho certeza que a mão de Deus nos pegou e salvou”.

Os familiares, ao saberem do livramento, se reuniram para celebrar: “Está uma festa por aqui. Muita gente veio nos visitar e comemorar a nossa volta. Meu netinho está todo feliz com os paparicos que está recebendo. Nem parece que ele foi atropelado”, comentou Vilma.

Assista às cenas do acidente:

Anúncios

Deixe seu comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s